Portal da Transparência (11) 4446 6148

Primeira Sede

Tudo começou com Waldomiro dos Santos

Que Cajamar pertencia ao município de Santana de Parnaíba você já deve saber. Mas como nasceu a cidade além do que sabemos no âmbito político ?

Um grupo de moradores do então distrito de Cajamar, iniciou um movimento pela separação do município de Santana de Parnaíba. À frente desse grupo estava o parnaibano Waldomiro dos Santos, que era vereador na Câmara Municipal de Santana de Parnaíba.

Foi Waldomiro dos Santos o líder do movimento pela emancipação de Cajamar. Ele reuniu 125 moradores do distrito de Cajamar, organizou um abaixo-assinado e redigiu o documento que pleiteava sua autonomia política. Em abril de 1958, o abaixo-assinado foi reconhecido pela Justiça Eleitoral de São Paulo e encaminhado para a Assembléia Legislativa.

No ano de 1959, atendendo às iniciativas de várias comunidades do interior do Estado de São Paulo, a Assembléia Legislativa promulgou uma lei autorizando a criação de 69 novos municípios, entre os quais o município de Cajamar. Trata-se da Lei n. 5.285 de 18 de fevereiro de 1959, que dispôs sobre o Quadro Territorial, Administrativo e Judiciário do Estado.

As primeiras eleições para prefeito, vice-prefeito e vereadores dos municípios criados realizararam-se naquele mesmo ano, e as novas autoridades tomaram posse no dia 1º de janeiro de 1960. Entretanto, a história de Cajamar começou antes da aprovação dessa lei.

Buscando a identidade política que expressasse a trajetória social da comunidade cajamarense, aquele grupo, liderado pelo vereador Waldomiro dos Santos, queria se constituir como uma coletividade que se reconhecia particular, e almejava alternativas próprias para seu futuro.

A Primeira sede da Câmara Municipal, de 01 de janeiro de 1960, a 11 de janeiro de 1960, funcionou na sede da Associação Atlética Cimento Portland (bairro da Água Fria).

Muitos anos se passaram, até que em 2007, a Câmara Muncipal de Cajamar conquistou seu prédio próprio, hoje localizado no centro do Distrito Sede.


Atual Sede em prédio próprio


Plenário Waldomiro dos Santos